Notícias, Notícias

Visitas a moradores da área vermelha do Pinheiro foram concluídas

Atendimentos a moradores serão retomados segunda-feira (18/03) para imóveis da área laranja


Cerca de 120 moradores do bairro do Pinheiro, cadastrados no projeto “Posse Legal” foram visitados pela equipe do projeto de regularização de posse, promovido pela Associação de Notários e Registradores de Alagoas (Anoreg/AL) e o Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL), durante toda esta semana.

As residências que já foram visitadas, todas da região considerada mais crítica, a área vermelha, irão receber a partir desta sábado (16/03) a visita de arquitetos e engenheiros ligados ao programa, para que sejam feitos os croquis (registro gráfico) das residências, e dada continuidade a análise do direito de posse dos moradores cadastrados. “Já nos reunimos e definimos o cronograma e profissionais que irão trabalhar na visita às residências”, afirmou o arquiteto Daniel, integrante do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Alagoas (CAU/AL) que disponibilizou profissionais para auxiliar as atividades do projeto.

Concluída essa primeira etapa, a equipe técnica retoma os atendimentos e cadastros na próxima segunda-feira (18/03), desta vez, voltados aos moradores da área laranja, que atendam requisitos do projeto. 

Os atendimentos serão realizados na Igreja Batista do Pinheiro, das 8h as 13h, até o dia 22 de março.

Requisitos 

Os moradores devem apresentar documentos que comprovem a posse de seu imóvel, como recibo de compra e venda, relação contratual ou algo que confirme o tempo de permanência no local. Devem levar ainda documentos básicos, como certidão de nascimento/casamento, CPF e RG. 

Será feita uma análise dos documentos entregues para o cartório, que pode levar cerca de 30 dias para promover a regularização. A comprovação da posse é fundamental para que os moradores que estão com imóveis com rachaduras ou sob risco de desabamento possam receber o aluguel social da Prefeitura ou pleitear futuras indenizações.